Vítor Alberto Klein's Blog

05/06/2013

We don’t have more time ! We don’t have more time for nothing….

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 18:36

 

link:    https://www.youtube.com/watch?v=OPF3QAoNtOE&goback=.gde_4892534_member_245727586

21/01/2013

Oração de Maitreya

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 7:57

 

Em comunhão com as Forças Cósmicas, orando por todos os meus irmãos, por Todos os Seres da Natureza, eu, como uma parte do Todo, elevo ao Divino Pai esta súplica:

Deus! Seja a Vossa Luz a estrada por onde trilharão os meus pés.

Seja a Vossa Benção, conforto para a minha vida, pureza para a minha alma, serenidade e discernimento para a minha mente.

Desdobre a minha alma em direção a Vós, Senhor, para o encontro da Eternidade.

Seja o meu ser digno da Dádiva da Vida, para que Possais habitar o meu íntimo.

Pai, Dai-me sabedoria e humildade para que eu possa compreender Vossas Divinas Leis, e Dai-me a inteligência e energia para difundi-las.

Que a Bondade seja a espada com que me defenderei dos inimigos, e rogo para eles a Vossa Misericórdia, Senhor.

Que o Amor e o Perdão sejam os sentimentos cultivados pela minha alma, para que a Luz penetre em todos os recônditos.

Dai-me paciência para relevar as fraquezas dos meus semelhantes e Dai-me forças para sobrepujar as minhas.

Que eu seja um instrumento da Vossa Vontade, a fim de que, através de mim, Vossa Seara seja aumentada para a grandeza do Vosso Reino.

Perdoai, Senhor, aqueles que estão no erro, e Dai-lhes a suprema felicidade de conhecer a beleza da Vossa Perfeição, a realidade do Vosso Reino e a eternidade do Vosso Amor, que ilumina sem distinção toda a criação.

Que a onipotência da Vossa Presença, como sublime promessa se estenda sobre mim, abençoando meu ser.

E que as portas do futuro sejam par a par com o infinito! Amém.

20/01/2013

Os números deste blog em 2012 – enviado pela administração do WordPress

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 18:20

Os números

4.329 filmes foram inscritos no Festival de Cinema de Cannes 2012. Este blog teve 22.000 vistas em 2012. Se cada visualização fosse um filme, este blog alimentaria 5 Festivais de Cinema.

Em 2012 foram publicados 316 novos artigos, aumentando o arquivo total para 1.423 artigos. Foram carregadas 170 imagens, ocupando um total de 31 MB. É cerca de 3 imagens por semana.

O dia com mais tráfego foi 15 de setembro, com 216 visitas. O artigo mais popular nesse dia foi Impostômetro (ao vivo).

————

Atrações em 2012

Estes são os artigos mais visitados em 2012. Pode também consultar os artigos mais visitados na sua página de estatísticas.

———-

De onde vieram?

That’s 103 countries in all!
A maior parte dos visitantes veio de: Brazil. The United States & Portugal vieram logo atrás.

———
Por Vítor Alberto Klein
Muito obrigado pela visita e incentivo, e vamos em frente !

01/12/2012

Para refletir…..e rir….

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 18:17

Fonte:  Recebido por email

 

MEUS AMIGOS, MUITO OBRIGADO PELAS 4512 CORRENTES QUE ME FORAM ENVIADAS ATÉ AGORA!!!  NESTE ANO, GRAÇAS A ELAS, TOMEI ALGUMAS ATITUDES QUE MUDARAM MINHA VIDA:

1.JÁ NÃO SACO DINHEIRO EM CAIXA ELETRÔNICO PORQUE VÃO ME COLAR UM ADESIVO AMARELO OU JOGAR UMA LINHA NO MEU OMBRO E QUANDO EU DOBRAR A ESQUINA VÃO ME ROUBAR;

2.JÁ NÃO TOMO COCA-COLA PORQUE ME AVISARAM QUE SERVE PRA LIMPAR MÁRMORE E QUE UM CARA CAIU NO TANQUE DA FÁBRICA E FICOU TOTALMENTE CORROÍDO;

3. NÃO VOU AO CINEMA COM MEDO DE SENTAR NUMA AGULHA CONTAMINADA COM O VÍRUS DA AIDS;

4. ESTOU COMO UMA INHACA DE GAMBÁ VIOLENTA PORQUE DESODORANTE CAUSA CÂNCER DE MAMA;

5. NÃO ESTACIONO O CARRO EM SHOPPING CENTER COM MEDO DE CHEIRAR PERFUME E SER SEQÜESTRADO;

6.NÃO ATENDO MEU CELULAR COM MEDO QUE ALGUÉM PEÇA PARA DIGITAR 55533216450123=T4RH2 E EU TENHA QUE PAGAR UMA FORTUNA DE LIGAÇÃO PARA O IRÃ, OU ENTÃO OUÇA UM ANALFABETO DIZER QUE SEQUESTROU MINHA FILHA ENQUANTO
UM OUTRO ANALFABETO BANDIDO FICA GRITANDO QUE NEM VIADO…..AI PAI, AI PAI;

7. NÃO COMO MAIS BIGMAC POIS É TUDO FEITO COM CARNE DE MINHOCA COM ANABOLIZANTE;

8.NÃO COMO MAIS CARNE DE FRANGO, CHESTER E  NEM VOU NO KFC POIS OS FRANGOS FORAM ALTERADOS GENETICAMENTE, TOMAM HORMÔNIOS FEMININOS E TÊM SEIS ASAS, OITO COXAS E NÃO TÊM BICO, PENAS NEM CABEÇA;

9. NÃO SAIO COM MAIS NINGUÉM PORQUE TENHO MEDO DE ACORDAR NA BANHEIRA CHEIO DE GELO E SEM MEUS RINS;

10. REFRIGERANTE EM LATA, NEM PENSAR!!! TENHO MEDO DE MORRER DE LEPTOSPIROSE DO MIJO DO RATO;

11. NÃO TENHO MAIS NENHUM TOSTÃO POIS DOEI TUDO PARA A CAMPANHA EM PROL DA OPERAÇÃO DA NILDINHA, QUE É UMA MENINA QUE PRECISA FAZER UMA OPERAÇÃO URGENTE, QUE SÓ TEM MAIS DOIS MESES DE VIDA (DESDE 1993);

12.ESCREVI EM 500 NOTAS DE R$1,00 UMA MENSAGEM PARA A NOSSA SENHORA DA FRIEIRA, PARA ME DAR MUITO DINHEIRO, E ACABEI PERDENDO UMAS 20 NOTAS POIS EU ESCREVI DEMAIS;

13.ESTE MÊS DEVO RECEBER O MEU CELULAR ERICSSON, POR TER REPASSADO OS E-MAILS PARA 2366 AMIGOS, E MÊS QUE VEM RECEBO OS U$1.000,00 DA AOL E DA MICROSOFT, ALÉM DO NOTEBOOK, DA FERRARI E DOS PRÊMIOS DA NESTLÉ;

14. NÃO BEBO MAIS REFRIGERANTE KUAT, POIS ELE TEM UMA SUBSTÂNCIA QUE CAUSA CÂNCER;

15. JESUS E NOSSA SENHORA JÁ DEVEM ESTAR MORANDO LÁ EM CASA DE TANTA VISITA DELES QUE RECEBO POR EMAIL.

17/11/2012

ENORMEMENTE RICO…. por Armando Fuentes Aguirre

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 17:44

 

Me propongo demandar a la revista “Fortune”, pues me hizo víctima de una omisión inexplicable. Resulta que publicó la lista de los hombres más ricos del planeta, y en esta lista no aparezco yo. Aparecen, sí, el sultán deBrunei, aparecen también los herederos de Sam Walton y Takichiro Mori.
Figuran ahí también personalidades como la Reina Isabel de Inglaterra, Stavros  Niarkos, y los mexicanos Carlos Slim y Emilio Azcárraga.
Sin embargo a mí no me menciona la revista.
Y yo soy un hombre rico, inmensamente rico. Y si no, vean ustedes: tengo vida, que recibí no sé por qué, y salud, que conservo no sé cómo.
Tengo una familia, esposa adorable que al entregarme su vida me dio lo mejor de la mía; hijos maravillosos de quienes no he recibido sino felicidad; nietos con los cuales ejerzo una nueva y gozosa paternidad.

Tengo hermanos que son como mis amigos, y amigos que son como mis hermanos.
Tengo gente que me ama con sinceridad a pesar de mis defectos, y a la que yo amo con sinceridad a pesar de mis defectos.

Tengo cuatro lectores a los que cada día les doy gracias porque leen bien lo que yo escribo mal.

Tengo una casa, y en ella muchos libros (mi esposa diría que tengo muchos libros, y entre ellos una casa).

Poseo un pedacito del mundo en la forma de un huerto que cada año me da manzanas que habrían acortado aun más la presencia de Adán y Eva en el Paraíso.

Tengo un perro que no se va a dormir hasta que llego, y que me recibe como si fuera yo el dueño de los cielos y la tierra.

Tengo ojos que ven y oídos que oyen; pies que caminan y manos que acarician; cerebro que piensa cosas que a otros se les habían ocurrido ya, pero que a mí no se me habían ocurrido nunca.

Soy dueño de la común herencia de los hombres: alegrías para disfrutarles y penas para hermanare a los que sufren.

Y tengo fe en Dios que guarda para mí infinito amor.

¿Puede haber mayores riquezas que las mías?

¿Por qué, entonces, no me puso la revista “Fortune” en la lista de los hombres más ricos del planeta?”
¿Y tú, cómo te consideras? ¿Rico o pobre?
HAY GENTE POBRE, PERO TAN POBRE, QUE LO ÚNICO QUE TIENE ES… DINERO.
Armando Fuentes Aguirre (Catón)

22/10/2012

Celtic prayer

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 16:51

That never, at any time, your heart cherish hatred.
That corner of maturity never stifle your inner child.
May your smile be always true.
That the losses of your way are always seen as life lessons.
What is your music companion secret moments with yourself.
May your moments of love contain the magic of your eternal soul in every kiss.
May your eyes be two suns looking at life in light of every sunrise.
May each day be a new beginning where your soul dance in the light.
That at each step of your stay light marks your passage into every heart.
What every friend your heart make feast, which celebrates the corner of the deep friendship which binds souls like.
What in your moments of loneliness and tiredness, is always present in your heart the reminder that everything passes and changes, when the soul is big and generous.
Let your heart fly on the wings of spirituality glad aware, that you perceive the tenderness invisible, touching the center of your eternal being.
What a gentle lullaby to accompany you on earth or in space, and wherever the immanent invisible light your living.
Let your heart feel the presence of the ineffable secret!
That your thoughts and your loves, your life and your journey through life, always be blessed by the love that loves nameless.
That love which can not be explained, only felt.
That love be your lullaby secret forever traveling in the center of your being.
This love transforms light into your dramas, your grief into celebration, and thy weary steps in joyful dance steps renewal.
That never, at any time, you forget the Presence that is in you and in all beings.
May your life be filled with Peace and Light!

05/09/2012

Um assunto, no mínimo, hilário…

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 11:11

Foi divulgado nestes dias pela mídia, um processo movido por uma pessoa que teve R$ 4.500,00 (quatro mil e quinhentos reais) deduzidos INDEVIDAMENTE de sua conta corrente. Este processo foi aberto há  18 anos, em 1994.

Pois é, agora a Justiça proclamou o valor da indenização por parte do banco processado, CALCULADO COM BASE NAS TAXAS DE JUROS DO CHEQUE ESPECIAL.

Sabem qual é o valor atualizado da indenização ???  Calculado com base nestas taxas de juros (cheque especial) ??

R$ 1.400.000.000.000,00, isto mesmo, 1 trilhão e 400 bilhões de reais……

Obviamente que o banco recorreu e solicitou uma revisão no cálculo….ou uma forma diferenciada de acerto, sei lá….

Isto serve para termos uma idéia do quanto pagamos de juros.

Não vou perder meu tempo fazendo estes cálculos, para descobrir se realmente haveria fundamento, mas o assunto é realmente HILÁRIO, para não dizer, catastrófico !

30/08/2012

Certification: Don’t Waste Your Time!

Filed under: Desenv. Humano,Variedades — vitoralbertoklein @ 19:05

Posted by Uncle Bob on terça-feira, 27 de abril de 2010

Source:  http://blog.objectmentor.com/articles/2010/04/27/certification-dont-waste-your-time

As I have said before, there’s nothing particularly wrong with the current mania for certification. If you want to be certified at the cost of a 2-day course, by all means get certified. If you want to certify people for attending your 2-day course, by all means hold the course and hand out the certificates. It’s all good. Make money! Be fruitful and multiply!

But be careful not to waste your time.

How could certification be a waste of time? That depends on your motive.

  • If you are getting certified in order to impress someone, like a hiring manager, or a recruiter, or your peers, you are wasting your time. Nobody worth impressing is going to find this certification impressive. Indeed, the people you really want to impress are likely to find it a bit mundane.
  • If you are getting certified in order to get hired, you are wasting your time. Nobody is going to hire you simply because of that “C”, and nobody worth working for is going to require that “C”.
  • If you have decided to hire only certified people, you are wasting your time. The population of certified people is not richer in talent, skill, or knowledge. Indeed, it may be poorer. Remember, those who have talent don’t need certification as much as those who don’t.

What part of certification is not a waste of time?

  • The primary benefit you are getting is the instruction; but be careful: There are lots of pretty mediocre instructors out there. Some of the instructors teach pretty good courses, but others are just hoping that all you care about is the certification.
  • So do a little research and find the best instructors. You may, in fact, find that some of the best instructors and courses do not offer certification. That shouldn’t stop you from considering them.

But wait, aren’t the instructors certified as trainers?

  • Sure. They paid the money and took the course to become a certified trainer.
  • But that doesn’t necessarily mean that they:
    • are a good instructor.
    • know what they are teaching.
    • have done what they are teaching.
    • are qualified to teach you.

OK, but isn’t there some benefit to the certification itself?

  • Sure. A nice piece of paper.

28/08/2012

Pérolas do futebol

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 19:37

Fonte:  recebido por e-mail

Grandes frases” ditas por jogadores de futebol... 


 

‘Chegarei de surpresa dia 15, às duas da tarde, vôo 619 da VARIG.’
(Mengálvio, ex-meia do Santos, em telegrama à família quando em excursão à Europa)
‘Tanto na minha vida futebolística quanto com a minha vida ser humana.’
(Nunes, ex-atacante do Flamengo, em uma entrevista antes do jogo de despedida do Zico)
‘Que interessante, aqui no Japão só tem carro importado.’
(Jardel, ex-atacante do Grêmio)

‘As pessoas querem que o Brasil vença e ganhe.’
(Dunga, em entrevista ao programa Terceiro Tempo)

 

‘Eu, o Paulo Nunes e o Dinho vamos fazer uma dupla sertaneja.’
(Jardel, ex-atacante do Grêmio)

 

‘O novo apelido do Aloísio é CB, Sangue Bom.’
(Souza, meio-campo do São Paulo, em uma entrevista ao Jogo Duro)

 

‘A partir de agora o meu coração só tem uma cor: vermelho e preto.’
(Jogador Fabão, assim que chegou no Flamengo)

 

‘Eu peguei a bola no meio de campo e fui fondo, fui fondo, fui fondo e chutei pro gol.’
(Jardel, ex- jogador do  Grêmio, ao relatar ao repórter o gol que tinha feito)

 

‘A bola ia indo, indo, indo… e iu!’
(Nunes, jogador do Flamengo da década de 80)

 

‘Tenho o maior orgulho de jogar na terra onde Cristo nasceu.’
(Claudiomiro, ex-meia do Inter de Porto Alegre, ao chegar em Belém do Pará para disputar uma partida contra o Paysandu, pelo Brasileirão de 72)

 

‘Nem que eu tivesse dois pulmões eu alcançava essa bola.’
(Bradock, amigo de Romário, reclamando de um passe longo)

 

‘No México que é bom. Lá a gente recebe semanalmente de 15 em 15 dias.’
(Ferreira, ex-ponta esquerda do Santos)

 

‘Quando o jogo está a mil, minha naftalina sobe.’
(Jardel, ex-atacante do  Grêmio e da Seleção)

 

‘O meu clube estava a beira do precipício, mas tomou a decisão correta, deu um passo a frente…’
(João Pinto, jogador do Benfica de Portugal)

 

‘Na Bahia é todo mundo muito simpático. É um povo muito hospitalar.’
(Zanata, baiano, ex-lateral do Fluminense, ao comentar sobre a hospitalidade do povo baiano)

 

‘Jogador tem que ser completo como o pato, que é um bicho aquático e gramático.’
(Vicente Matheus, eterno presidente do Corinthians)

 

‘O difícil, como vocês sabem, não é fácil.’
(Vicente Matheus) Corinthians

 

‘Haja o que hajar, o Corinthians vai ser campeão.’
(Vicente Matheus) Corinthians

 

‘O Sócrates é invendável, inegociável e imprestável.’
(Vicente Matheus, ao recusar a oferta dos franceses) Corinthians

26/08/2012

Mensagem de Alexandre Magno

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 13:56

 

Arquivo:    Alejandro_Magno

17/08/2012

Feira de aviação apresenta dez dos mais caros jatinhos vendidos no Brasil

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 18:08

Por Mayara Teixeira , iG São Paulo | 17/08/2012 16:33:15 – Atualizada às 17/08/2012 17:38:43

Fonte:  http://economia.ig.com.br/empresas/2012-08-17/feira-de-aviacao-apresenta-dez-dos-mais-caros-jatinhos-vendidos-no-brasil.html

(no link acima há várias fotos)

Para ter um avião executivo para chamar de seu são necessários US$ 4 milhões enquanto para tomar uma ducha quente a 11 mil metros de altitude são precisos US$ 58 milhões.

Quem for à Labace, maior feira de aviação executiva da América Latina, vai notar a disputa acirrada entre os fabricantes de jatos executivos pelo mercado brasileiro. Nos últimos quatro anos, o Brasil foi o segundo país que mais comprou aeronaves da categoria, atrás apenas dos EUA. Nesse ano, os organizadores da feira esperam uma movimentação de até US$ 700 milhões em negócio.

Depois de subir a estreita escada, até aí comum em qualquer tipo de aeronave, os preços exorbitantes começam a se explicar. Poltronas espaçosas revestidas de couro estão dispostas sobre um delicado carpete claro, que contrasta com os detalhes amadeirados das paredes. Se o cliente quiser, há espaço para uma cama ou então mesas que podem apoiar notebooks e receber jantares de primeira classe. A maioria dos jatos executivos se enquadra nessa descrição, daí em diante, artigos de luxo passam a diferenciar os preços.

Itens como televisores, DVDs e localizadores geográficos não faltam em nenhum dos modelos. Mas, há quem deseje tomar um banho quente enquanto o piloto desvia de uma nuvem e outra, ou então tirar uma soneca em uma cama king size enquanto não chega para próxima reunião em Miami. Tudo isso é possível por alguns milhões de dólares. Na Labace, alguns dos luxuosos jatinhos executivos estão expostos e a venda para quem estiver disposto a desembolsar no mínimo US$ 4 milhões.

“Nos EUA, o jato é considerado uma ferramenta de trabalho e essa mentalidade está surgindo no Brasil”, diz Marco Túlio Pellegrini, vice-presidente de operações da Embraer. O presidente da Dassault Falcon, Jean Rosanvallon, é mais categórico: “sem avião, sem lucro”. “Todos os grandes empresários possuem jatos executivos, a família Diniz, por exemplo, possui um Dassault”, diz.

Quem for à feira vai notar que os fabricantes estão otimistas com a participação brasileira no mercado. Para estimular as vendas por aqui, as companhias estão apostando em centros de serviço locais que oferecem manutenção para as aeronaves. “Nossa estratégia é construir uma base sólida, por isso queremos estar mais próximos dos clientes e participar de mais etapas além da compra”, diz Rosanvallon da Dassault Falcon. Nos próximos três anos, a marca francesa vai expandir seu centro de serviço em Sorocaba (SP), um investimento que pode chegar a US$ 10 milhões.

Já a TAM, líder no mercado brasileiro com 45% da frota, vai investir R$54 milhões no país. “Até o fim de 2013, pretendemos ampliar nosso serviço de manutenção em Jundiaí (SP) e inaugurar um novo em Aracati (CE)”, diz Leonardo Fiuza, diretor comercial da companhia. A canadense Bombardier chegou a investir US$ 12 milhões em um centro de serviço em São José dos Campos (SP). O investimento foi feito por meio da Syneret Brasil, a representante da Bombardier. O local começou a funcionar há dois meses.

De olho nos emergentes

Os fabricantes brasileiros e estrangeiros querem aproveitar o desenvolvimento da economia brasileira e dos países emergentes para compensar os efeitos da crise de 2008, da qual o segmento ainda não se recuperou totalmente. “Acredito que em 2014 o mercado realmente vá se recuperar”, diz Fiuza da TAM. Segundo Pellegrini, da Embraer, em dez anos, a expectativa é que o setor movimente no mínimo US$ 206 bilhões. “No cenário mais positivo, serão US$ 260 bilhões em jatos executivos”, diz.

Em países como Brasil, China e Índia, a demanda está mais forte. “Em 2011, pela primeira vez os EUA não foram nossos maiores compradores e vendemos mais para a China”, diz Rosanvallon da Dassault. “No ano passado, os países do BRIC foram responsáveis por 60% das nossas vendas”, diz. Apesar desse aumento, a demanda ainda não foi suficiente para impulsionar os números desse ano. “Não projetamos crescimento, vendemos US$230 milhões no ano passado, e para 2012 nossa meta é manter o mesmo valor”, diz Fiuza da TAM.

—-

Por Vítor Alberto Klein

Parabéns à EMBRAER por ser um grande Player neste fechadíssimo e acirradíssimo mercado.

13/08/2012

Natureza exuberante !

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 18:27

11/08/2012

O quê precisamos decifrar ?

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 12:03

 

07/08/2012

Bilionésima foto da Terra

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 20:51

PS1:  Sabemos que alguns avanços científicos e tecnológicos (que depois se tornam produtos de nosso cotidiano) só são possíves através de iniciativas como esta, bem como no desenvolvimento de armamentos, indústria bélica e etc. etc.  Mas será este o Caminho Ideal ?  Será o Único Caminho ?

PS2: O rôbo (toda a missão espacial) custaram US$ 2,5 bilhões e não US$ 5 bilhões como acima descrito.

 

 

2ª foto de Marte

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 18:20

 

PS: E gastaram 5 bilhões de reais para descobrir isso ?

05/08/2012

RBI abre nova chamada de artigos

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 14:28

Fonte:  http://www.abin.gov.br/modules/mastop_publish/?tac=RBI_abre_nova_chamada_de_artigos

 

Revista Brasileira de Inteligência vai receber artigos, até 30 de agosto, para a sua oitava edição

A Revista Brasileira de Inteligência (RBI) abriu nova chamada de artigos para a próxima edição do periódico, a oitava da série. Os artigos deverão ser enviados para o endereço revista@abin.gov.br até 30 de agosto.

O material deve ser inédito e redigido nos padrões da Associação Brasileira de Normas e Técnicas (ABNT). O tamanho aproximado deve ficar em dez laudas.

Os artigos podem ser produzidos tanto por colaboradores internos – do próprio quadro da Abin – como de fora da instituição.

A Revista

A RBI é uma publicação da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) voltada para a divulgação da atividade de Inteligência e para o debate de ideias sobre a área. A periodicidade é semestral e a publicação é coordenada pela Comissão Editorial da RBI.

Normas Editoriais RBI
Veja Também

01/08/2012

4SHARED BANIU A CONTA DA BIBLIOTECA DA E=R

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 9:58

Postado por Augusto de Franco em 1 agosto 2012 às 8:42

Fonte:   http://escoladeredes.net/profiles/blog/show?id=2384710%3ABlogPost%3A168022&xgs=1&xg_source=msg_share_post

Já era esperado. Mas finalmente aconteceu. O 4Shared baniu a conta onde estavam cerca de 1 mil textos da Biblioteca da Escola-de-Redes.

Fui acessar hoje um texto e apareceu o aviso:

This account has been banned due to breaking 4 shared Terms of Use

Bem, felizmente – com a ajuda de muitos conectados aqui – conseguimos fazer upload dos textos em 12 servidores diferentes antes da punição.

Então não é bem uma tragédia para nós. Mas é uma tragédia para a humanidade esse tipo de vigilância e controle exercido por empresas que resolveram lucrar com o serviço sujo de restringir a liberdade na Internet.

Os motivos apresentados são risíveis: fizemos upload de textos para fins exclusivamente educacionais e de pesquisa, facultando acesso gratuito universal. E textos que, em sua maioria, já são, na prática, de domínio público (estão em todo lugar na Internet), como os de Ivan Illich (“Sociedade sem Escolas”) e de Douglas Hofstadter (“Gödel, Escher, Bach”).

Encaro tudo isso como uma espécie de estrebuchar. Os caras já morreram mas não querem ser enterrados. Suas carcaças ficam então atravancando o caminho. Enquanto isso, nós… passarinho!

15/07/2012

Os 10 anos de uma carta que mudou o país

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 14:58

Por Cláudia Bredarioli   (cbredarioli@brasileconomico.com.br)
13/07/12 08:38

Fonte:  http://www.brasileconomico.ig.com.br/noticias/os-10-anos-de-uma-carta-que-mudou-o-pais_119332.html

 

Documento divulgado por Lula, em 2002, deu credibilidade ao governo petista.

Era uma vez uma carta que contou a história antes mesmo de ela acontecer.

Há pouco mais de uma década, em 22 de junho de 2002, Luiz Inácio Lula da Silva disputava o cargo de presidente da República quando divulgou um documento-compromisso que ganhou o nome de Carta ao Povo Brasileiro.

Destinada muito mais a acalmar mercados do que propriamente a seus eleitores, a carta já antecipava boa parte daquilo que o Brasil é hoje.

Depois de sua divulgação, empresários e investidores brasileiros – e principalmente estrangeiros – passaram a contribuir para o processo que deu credibilidade à campanha petista, levando Lula pela primeira vez à Presidência depois de três tentativas frustradas.

Dez anos mais tarde, um olhar sob a perspectiva histórica deixa claro que não se tratava de uma panaceia. De fato, os efeitos sob a economia começaram a ser percebidos depois de já iniciado o governo Lula – especialmente com as ações de Henrique Meirelles, recém empossado presidente do Banco Central, sobre a taxa de juros, com a intenção de manter a economia sob controle.

Num primeiro momento, o documento seria dirigido aos investidores estrangeiros. Mas, à medida em que conteúdo foi tomando forma, os líderes petistas decidiram divulgá-la internamente.

A versão para os investidores estrangeiros seria levada poucas semanas depois em uma viagem de José Dirceu, então presidente do PT, aos Estados Unidos para estabelecer uma aproximação com o partido Republicano em nome de Lula.

A Carta também deu aval para tudo o que se seguiu na campanha petista. Já sob o efeito do compromisso assumido publicamente, Lula ganhou o apoio de diversos empresários brasileiros de peso. O primeiro foi o dono da Gradiente, Eugenio Staub, para quem Lula representava a única saída viável ao Brasil.

“A Carta não representou uma ruptura. Ela expressou mudanças programáticas do PT que haviam começado em 1995. Um papel semelhante ao da escolha de José de Alencar para vice na chapa – uma continuidade do amadurecimento da política de alianças”, conta o ex-ministro José Dirceu ao Brasil Econômico.

Um dos cenários da articulação para a confecção do documento foi a sede da Brasilinvest em São Paulo. “Foi o Fidel quem sugeriu a Lula essa necessidade de estabelecer contato com o governo americano. O PT nos procurou para ajudar nesse processo”, diz Mario Garnero, presidente da Brasilinvest.

Em um almoço entre Garnero e Dirceu, costurou-se um encontro entre Lula e a então embaixadora dos EUA no Brasil, Donna Hrinak.

Na reunião, Lula e Hrinak contaram com um amuleto para estabelecer uma conexão imediata: ela carregava na bolsa um chaveiro com o bonequinho do candidato que havia sido distribuído na campanha dele ao governo paulista de 1982. “Meu filho gostava de brincar com esse boneco quando pequeno”, contou a embaixadora ao interlocutor que se apresentava naquele momento.

Poucas semanas depois, Hrinak declararia que “Lula seria a reencarnação do sonho americano”. A partir daí Garnero, seus assessores e a cúpula do PT trataram de endereçar mais de duzentas cartas a americanos que pudessem ouvir o que os petistas tinham a dizer. Entre eles, o ex-presidente George Bush.

Comentários ao artigo (encontrados no próprio link):

Vlamir, Guarulhos/São Paulo | 13/07/12 11:20
Essa carta, é o registro dos primeiros movimentos de amadurecimento do PT.
O PT se reposicionou no meio termo, cedeu, aprendeu e fez alianças para governar. Hj o PT é governo embora teve de vender parte de sua alma ao diabo.

ELZA BILEU DE AMORIM, são paulo | 13/07/12 11:40
É UMA PENA QUE TUDO AQUILO QUE O PT CRITICAVA, OFENDIA ELE FAZ HOJE.
O PIOR É QUE O PT E SEUS ALIADOS, EM SUA MAIORIA SÃO CORRUPTOS, PRINCIPALMENTE O SR. JOSÉ DIRCEU E LULA, QUE SEMPRE DIZ QUE NÃO SABIA DE NADA. JÁ FUI PT, HOJE NÃO ASSISTO NADA QUE VENHA DO PT. É UMA PENA QUE A DILMA SE DEIXE LEVAR POR ESSES VELHOS LOBOS.

Wellington, Brasilia | 13/07/12 12:02
Foi a entrega total aos banqueiros e estrangeiros, e renuncia aos próprios ideais, em troca do poder.

Sérgio Augusto Silveira, Recife | 13/07/12 12:04
Essa postura de Lula, diante do fato perturbador para a esquerda (se ver com o poder máximo nas mãos sem ter feito a clássica revolução exemplificada por Fidel Castro) sacudiu conceitos e tornou absurda a idéia de derrubar o capitalismo. Ao contrário de décadas passadas, em 2002 a missão foi mudar o papel da esquerda, fazendo-a usar o sistema vigente, sem confrontos, para permanecer no poder. A chamada revolução ficou para as calendas gregas.

francisco alberto agosta, | 13/07/12 12:11
A verdadeira intenção dessa carta , era tornar o brasil confiável aos gringos e conseguiu , mas o povo brasileiro continua anlfabeto e burro dá dó de ver .o povão continua na miséria intelectual , `parecem macaquinhos amestrados´isso o pt não resolveu , bem ele que era nossa única esperança .

Fernando Campos, Panamá | 13/07/12 12:25
Esse é o documento que abriu as portas para a vitória do PT, para o advento do Mensalao – alías gestado pelas mesmas cabecas – , que liquidou o que de puro existia na idéia de criacao do PT e possibilitou o assalto de Brasília e do país. Como os ciclos na política e na economia sao longos, os nossos netos poderao ler nas páginas da história desse período o engodo a que fomos submetidos durante todo esses, talvez, 16 anos, se ainda restar um historiador lúcido.

decio afranio, Brasília | 13/07/12 12:46
O título é um exagero. Lula acalmou o mercado e obteve apoio externo justamente porquê prometeu não mudar nada. Ora, se Lula nada mudou então como atribuir às suas palavras as mudanças ocorridas no país? A grande contribuição de Lula foi exatamente não fazer nada, foi surfar na onda e colher frutos advindo dos ventos favoráveis externos que beneficiaram países exportadores de commodities.
O seu governo não teve ousadia, não propôs e não permitiu que avançássemos mais. Seu grande mérito foi exatamente não fazer nada, a não ser estender o bolsa família e dar aumentos sem contrapartida ao funcionalismo público. No mais, suas contas estão por vir.

carlos roscoe, Belo Horizonte | 13/07/12 12:47
Foi a carta mais mentirosa nunca dantes perpetrada neste país.

carlos, Presidente Prudente | 13/07/12 13:09
essa foi uma das duas coisas que Lula (como estadista) fez bem ao Brasil, a segundo foi eleger a Dilma, no meio disso… mais nada significativo.

José Carlos, São Paulo/SP | 13/07/12 13:21
O grande mérito do PT nestes anos de governo esta resumido exatamente neste quesito, isto é, falou tantas coisas antes e depois não mexeu nos fundamentos econômicos herdados, caso contrário seria uma catástrofe.
Porém no que se refere a postura de governo deixa muito a desejar, principalmente na gestão anterior quando fazia uso da palavra para falar ou comentar sobre os fatos e assuntos publicados, tais como “chavões”: “Não vi e não sei de nada” (escandalo do mensalão), “companheiros” (nas suspeitas de corrupção de integrantes do PT), ” as imagens não falam por si só” (sobre as gravações que mostravam a entrega de dinheiro por parlamentares) e etc.
Em relação ao fortalecimento econônico, deixou escapar uma grande oportunidade de forçar a reforma tributária (momentos excelentes vividos entre 2004 a 2007), além da falta de investimentos sustentados na educação, saúde, infraestrutura e segurança. Muito pouco por quem tantas esperanças foram depositadas. Hora para reflertirmos.

Sergio Luiz, Campinas | 13/07/12 13:25
PT, quem te viu, quem te vê. Hoje já não é mais diferente, hoje é igual ou pior aos outros.

Sucaneiro, Curitiba, pr. | 13/07/12 13:54
O amadurecimento do PT levou o Lula a presidência por duas vêzes e a Dilma na continuidade de governo e do progresso que 90 % dos brasileiros estão vendo todos os dias.
Infelizmente há uma minoria de 10% que unida a imprensa marron, do DEM, PSDB e não sei mais de qual partido de oposição, ligados aos cachoeiras da vida, só vão ficar satisfeitos quando o Brasil voltar a andar de chapéu na mão, atrás do FMI pedindo esmolas e vendendo nosso patrimonio a preço de banana, como no tempo do FHC.

alfredo herbert cardoso, | 13/07/12 15:29
Ba Che, se vendeu parte de sua alma ao diabo a outra parte só pensa em ficar rica. O Brasil precisa urgentemente de uma lei que prenda os ladrões do dinheiro público e só os solta quando devolverem tudinho. Mas, quem edita as leis não está interessado nisto. Assim continuamos prendendo por tres anos o que roubou o pão no supermercado e eventualmente por tres anos o que limpou a caixa do INSS.

Julio C.Pinheiro, Jaíba-MG | 13/07/12 15:40
Foi a solução que levou o PT ao poder,embora desde então foi desenvolvida uma agenda de poder,não uma agenda de soluções dos gargalos do BRASIL(JUSTIÇA,MAIOR ATO DE EDUCAÇÂO DE UM POVO),sem está JUSTIÇA tudo se torna mais CARO e mais DEMORADO.
Se cada um PRESIDENTE eleito erguer uma bandeira de um gargalo e resolver defenitivamente este problema em alguns mandatos teremos um país bem melhor resolvido.Ex em ordem de necessidade: JUSTIÇA,EDUCAÇÂO PUBLICA:SANEAMENTO PUBLICO:INFRAESTRUTURA;SAÙDE PUBLICA por ai vai…

Chester da Silva Rodrigues, Belo Horizonte – MG | 13/07/12 15:56
Sempre fui eleitor do ex-presidente Lula, porém, hoje, com toda certeza não votaria nele, por um simples motivo, o país precisa de novas pessoas, com novas idéias, e sem o desejo de perpetuação de poder. Votei na atual Presidente, apenas no segundo turno. Hoje, também, não direciono meu voto para nenhum candidato que o Sr. Lula apoie, pelo simples fato citado acima. Obrigado a todos os Brasileiros e fique todos com DEUS.

08/07/2012

Localization as important as translation when dealing with Brazilian telecom market

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 9:43

Monday, July 2, 2012

Source:  http://www.merrillbrink.com/importance-of-localization-and-translation-in-brazilian-telecom-market-07022012.htm

 

While many nations around the world struggle to find their feet in the wake of the global economic crisis, Brazil has bucked the trend and is fast becoming one of the most desirable nations to do business. This article looks at how a firm can ensure that neither cultural nor language differences stand in the way of the business opportunities that Brazil has to offer.

Why Brazil?

So why are so many Western and emerging market firms eager to move into the Brazilian market? The country is one of the few to have generated economic growth over the past few years and many of its industries are predicted to grow in value for the foreseeable future.

In recent years, the Brazilian government has introduced a series of measures that have helped stimulate growth. As well as investing heavily in the development of its infrastructure, the Brazilian government has also opened up the country to the outside world – encouraging foreign firms to invest in the region. Since 1994, the amount of foreign investment coming into Brazil has increased steadily. The country’s policies do not limit foreign investment and allows foreign firms to fully remit their profits abroad.

The Telecom Market

Brazil’s telecommunication or telecom industry is just one of the many that has grown exponentially in recent years – largely due to the fact that its population is growing wealthier. Emerging markets such as Brazil offer an existing opportunity for US and European firms. According to a research from Datamonitor, by 2015 the Brazilian mobile phone market will be worth $9.4 billion up a huge 64 percent from its value in 2010. Brazil’s fixed line market is also growing in value and Brazil is also one of the leading internet users in the world, with its rapidly expanding telecom market contributing to this growth.

In light of these statistics and the warm welcome that foreign investors are receiving, it’s hardly surprising that businesses are flocking to take a slice of the Brazilian telecom market for themselves. However, the language and cultural differences can form a barrier for Western firms who fail to work with Portuguese translation and Brazilian localization experts when entering and marketing into this emerging nation.

Cultural Barriers

For example, culturally there are huge differences between business communication in the US and Brazil. Fundamental cultural differences between the two nations can often result in misunderstandings that, in turn, can lead to business failure. A study into these differences, carried out by Hofstede in 1997, found that Brazilians often accept hierarchical structures more easily than North Americans. This translates to the workplace as well, and therefore business communication in Brazil can often be very different depending on the ‘level’ of the employee being communicated with. In US businesses, on the other hand, it’s much more likely that the same language will be used regardless of whether a senior manager or an administrator is being addressed. This approach will often be perceived by Brazilian business people as disrespectful to authority.

Another difference that businesses from the US may encounter in Brazil is the fact that business people may be less averse to unclear or ambiguous messages. In the US, people have very little tolerance for anything unclear or confusing, while the same cannot be said for Brazilians.

Although working with Brazilian translation experts is essential for any firm hoping to enter and market into the Brazil, these cultural differences also illustrate the importance of localization when producing written and spoken material for business in Brazil.

01/07/2012

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final…

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 13:47

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final…
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.
Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu….
Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.
O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora…
Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração… e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.

Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.
Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.
Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do “momento ideal”.
Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!
Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa – nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.
Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.
Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.
Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és..
E lembra-te :
Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão.
(Fernando Pessoa)

30/06/2012

A Oração do Viandante – Pietro Ubaldi

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 22:03

Fonte:  http://ubaldi.com.br/Pietro_Ubaldi/index.htm

Alma cansada, abatida à margem da estrada, pára um instante na eterna trajetória da vida, larga o fardo de tuas expiações e repousa.

Ouve como está plena de harmonias a obra de Deus! O ritmo dos fenômenos irradia doce e grandiosa música. Por meio das formas exteriores, os dois mistérios, da alma e das coisas, observam-se e se sentem. Das profundezas, o teu espírito ouve e compreende. A visão das obras de Deus produz paz e esquecimento; diante da divina beleza da criação, aquieta-se a tempestade do coração; paixão e dor adormecem em lento e doce canto sem fim. Parece que a mão de Deus, através das harmonias do universo, acalenta, qual brisa confortadora, tua fronte prostrada pela fadiga aí se detém como uma carícia. Beleza, repouso da alma, contato com o divino! Então o viandante deprimido se reanima, com renovado pressentimento de sua meta. Não parece mais tão longa a jornada, tão comprida, quando se pára um instante para dessedentar-se numa fonte. Então a alma contempla, antecipa e se alivia na caminhada. Com o olhar fixo para o Alto, é mais fácil retomar em seguida o caminho cansativo.

Na estrada dolorosa, pára, enxuga tua lágrima e ouve. O canto é imenso, as harmonias chegam do infinito para beijar-te a fronte, ó cansado viandante da vida. Ao lado do trovão das vozes titânicas do universo, murmuram num sussurro de beleza as delicadas vozes das humildes criaturas irmãs: “Também eu, eu também sou filha de Deus, luto e sofro, carrego o meu peso e busco minha vitória. Também eu sou vida, na grande vida do Todo”. E tudo, desde o fragor da tempestade, até o canto matutino  do sol, do sorriso do recém nascido ao grito dilacerante da alma, tudo, com sua voz, revela-se a si mesmo e sintoniza com as vozes irmãs; tudo exprime seu mistério íntimo; cada ser manifesta o pensamento de Deus. Quando a dor atinge as mais íntimas fibras de teu coração, ouves uma voz que te diz: DEUS; quando a carícia do crepúsculo te adormece no sono silencioso das coisas, uma voz te diz: DEUS. Quando ruge a tempestade e a terra treme, uma voz te diz DEUS! Essa estupenda visão supera qualquer dor.

Pára, escuta e ora. Abre os braços à criação e repete com ela: “Deus, eu te amo”! Tua oração, não mais admiração amedrontada pelo poder divino, agora é mais elevada: é amor. Oração doce, que brota como um canto que a alma repete, ecoa de fraga em fraga por toda a terra, de onda em onda pelos mares, de estrela em estrela pelos espaços infinitos. É a palavra sublime do amor que as unidades colossais dos universos repetem contigo, em uníssono com a voz perdida do último inseto que, tímido, esconde-se entre a grama. Parece perdida; no entanto, Deus a conhece também, recolhe-a e a ama. No infinito do espaço e do tempo, somente esta força, essa imensa onda de amor, mantém tudo compacto em harmônico desenvolvimento de forças. A visão suprema das últimas coisas, da ordem em que caminham todas as criaturas, dar-te-á sozinha um sentido de paz; de verdadeira paz, de paz profunda, de alma saciada, porque percebe sua mais elevada meta.

Assim Deus Se afigura-te ainda maior do que em seu poder de Criador, afigura-Se-te na potência de Seu amor. Explode, ó alma! Não temas! O novo Deus da Boa-Nova do Cristo é bondade. Não mais os raios vingativos de Júpiter, mas a verdade que convence, o carinho que ama e perdoa. O abismo infinito que olhas assustado não está para engolir-te, nas trevas do mistério, abre-se cheio de luz e, no âmago, canta sem fim o hino da vida. Lança-te afoito, porque nesse abismo reside o amor. Não digas: “não sei”, dize antes: “eu amo!”

Ora! ora diante das imensas obras de Deus, diante da terra, do mar, do céu. Pede-lhes que te falem de Deus, pede aos efeitos a voz da causa, pede às formas  o pensamento e o princípio que a todas anima. E todas as formas se aglomerarão em redor de ti, estender-te-ão seus braços fraternos, olhar-te-ão com mil olhos feitos de luz e o eterno sorriso da vida te envolverá como uma carícia. Essas mil vozes dirão: “Vem, irmão, sacia teu olhar interior, busca força na visão sublime. A vida é grande e bela, mesmo na dor mais atroz e tenaz é sempre digna de ser vivida”. Tomar-te-ão pelo braço, gritando: “Vem, atravessa o limiar e olha o mistério. Vê: não podes morrer jamais, jamais morrer. Tua dor passa,  com ela sobes e fica o resultado. Não temas a morte nem a dor:  não são o fim, nem o mal, são o ritmo da renovação e caminhos de tuas ascensões. A vida é um canto sem fim. Canta conosco, canta com toda a criação, o canto infinito do amor”.

Ora assim, ó alma cansada: “Senhor, bendito sejas, sobretudo pela irmã dor, porque ela me aproxima de Ti. Prostro-me diante de Tua imensa obra, mesmo se nela minha parte é esforço. Nada posso pedir-Te, porque tudo já é perfeito e justo em Tua criação, mesmo meu sofrimento, mesmo minha imperfeição transitória. Aguardo no posto de meu dever a minha maturação. Repouso em Tua contemplação.

Responde, ó alma, ao imenso amplexo, verdadeiramente sentirás Deus. Se a inteligência dos grandes se prostra e venera, curva-se diante do poder do conceito e de sua realização, e se aproxima do Divino pelas cansadas vias da mente, o coração dos humildes atinge a Deus pelos caminhos da dor e do amor. Sente-O pelas estradas dessa sabedoria mais profunda.

Ora assim, ó alma cansada. Descansa a cabeça em Seu peito e repousa.

A Grande Síntese cap. 67

27/06/2012

Brazil: Still Holding Back On Giving their Mums iPads

Filed under: T.I.,Variedades — vitoralbertoklein @ 13:00

By Dan Swinhoe, Editorial Assistant, IDG Connect – 06/27/2012

Source:  http://www.idgconnect.com/blog-abstract/555/dan-swinhoe-south-america-brazil-still-holding-back-on-giving-mums-ipads

During these tough financial times, many businesses are looking to the BRICS as their saviors. Brazil, Russia, India, China and South Africa all have robust growth (especially compared to the U.S. and Europe) and this is especially true in the IT sectors. Focusing on Brazil, is its mobility market as sunny as its beaches?

Forbes called e-commerce Brazil’s most promising sector. And it’s not hard to see why. Internet users reached 80 million by the end of last year, the fifth highest in the world and achieving a 42% penetration. Though this is a good base, current broadband connection is very low and many areas, especially rural ones, are lacking proper coverage. This is an issue which the government and providers are addressing with new fiber-optics and undersea cables.

Buoyed by the news that 3G subscriptions grew by 99% last year, the government recently looked ahead to 4G, raising 2.93 billion reals ($1.4 billion) in an auction of wireless airways to mobile operators. The winning bids have to have infrastructure in place by April for the host cities of next year’s Confederations Cup, and the end of next year for the cities involved with the 2014 World Cup.

Also a good base for e-commerce is the sheer number of mobile phone owners. Penetration stands at well over 100% (around 253 million subscriptions), and looks set to reach around 145% by the end of the year. However, distribution isn’t even, with people owning multiple phones a common occurrence. Just like across the world, it’s the young who lead ownership and use.

Priced out…

It’s not all positive though. Telecoms companies run municipal monopolies, as shown by the fact of the entire area covered by mobile internet, only 12.6% of municipalities have two or more competing market operators. Price is also an issue, as currently it has one of the highest phone rates in the world. And although they are set to fall, this won’t be until 2014 or even later. These high costs are why nearly 80% of mobile owners opt to use a pre-paid plan.

Some interesting research by Opera showed 62% of the respondents said they would be willing to spend up to R$10 on a monthly basis for mobile broadband, 55% would like to use their mobile devices for shopping. If mobile operators take this on board and don’t price themselves out reach, the introduction of 4G could be the moment that mobile internet takes off.

…But still engaging on a big scale

Brazil is also massive on social media. With 50 million users, it has the second highest number of users in the world, after the US. A critical difference however is Brazil is only at 25% penetration, meaning there’s still a huge market out there to sign up, and with three million have joined in the last month alone it looks like those numbers are set to increase. Brazil also wins silver for number of Twitter subscribers, overtaking Japan at the start of the year with a massive 33.3 million accounts, though the land of the rising sun remains more active on the microblogging site. Brazilians are also far better at engaging with content through the likes of comments than most other countries, and are more likely to follow user-generated content.

In countries like the UK and US, the challenge for social media is trying to monetize the huge amounts of mobile users, but in Brazil, they needn’t bother. Internet access from mobiles stands at around 3%, desktop being the most popular way of accessing the internet by a country mile.

Who wants a smartphone?

Tablet usage is equal to smartphones, but both remain incredibly low. There are conflicting reports on whether Android or Apple is winning the mobile war, but the iPad has conquered the tablet market. Opera continues its worldwide trend of being the most popular mobile browser . By 2015, half the population is expected to own a smartphone. Meanwhile, there were around 200,000 tablet devices in Brazil by the end of last year, but this is expected to surge in the coming years. Latin Business expects Brazil’s tablet sales to reach $1.7 billion next year.

While these predictions may seem a big ask considering the current low levels of ownership, demand is definitely there. According to a survey taken in May, 40% of Brazilian mothers would like a tablet as a present for Mother’s Day. Quite how many mums were treated to one is a different story.

Like most of the BRIC countries, Brazil has huge numbers of mobile users, and efforts to bring the mobile internet up to the same levels are underway. The elephant in the room is the massively low number of smart devices in the country. With companies looking to increase e-commerce and contactless payment, and so many people using services like Facebook and engaging with content, not to mention all those mothers waiting to be bought shiny new tablets, it sounds like the perfect setting for a mobility revolution.

Por Vítor Alberto Klein

Pois é, esta é a imagem de divulgação de nosso país lá fora (propaganda de moto-boy inscrita na calçada, é mole ?).

Ainda bem que o telefone público está inteiro (cápsula), não digo que o aparelho esteja intacto ou funcionando.

Em contrapartida o artigo demonstra o quão promissor é o mercado brasileiro em termos de tecnologias voltadas para acessibilidade, mobilidade e conectividade.

23/06/2012

Não esqueçam das novas regras gramaticais da língua portuguesa

Filed under: Variedades — vitoralbertoklein @ 18:18

Por Vítor Alberto Klein

a comandanta

a outorganta

a oficianta

a milianta

a requerenta

a farsanta

a reclamanta

a presidenta

a estipulanta

a representanta

a governanta (se bem que este não soa tão mal aos ouvidos, creio que pelo fato da “função” já existir há tanto tempo em nosso meio)

E por aí vamos….

Consulta:

Fonte:  http://www.portugues.com.br/gramatica/a-presidente-ou-presidenta-qual-das-formas-devemos-utilizar.html

Tais expressões estão condicionadas a um fato linguístico inerente à classe gramatical representada pelos substantivos, mais precisamente no que se refere a uma de suas flexões – o gênero. E ao se tratar deste assunto, percebe-se que há divergência de opiniões entre renomados gramáticos, tais como Celso Cunha, que ressalta que o feminino (relativo à presidenta) ainda se apresenta com curso restrito no idioma, em se tratando do Brasil; Evanildo Bechara e Luís Antônio Sacconi admitem como corretas as duas formas; João Ribeiro afirma que “o uso de formar femininos em “enta” dos nomes em “ente”, como presidenta, almiranta, infanta, tem-se pouco generalizado”. Por último, citamos as palavras de Domingos Paschoal Cegalla, o qual revela que “presidenta” é a forma correta e dicionarizada, ao lado de presidente.
Divergências deixadas à parte, o fato é que forma “a presidente”, está correta, justamente pelo fato de integrar ao caso relacionado aos substantivos denominados comuns de dois. Portanto, podemos perfeitamente dizer: a presidente.
Assim, em meio a tantos posicionamentos, há que se dizer que há um especial, retratado pelo VOLP (Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa), revelando que o substantivo pode perfeitamente ter a sua forma flexionada, ou seja, é correto também dizermos presidenta.
Desta forma, o que mais nos interessa é saber qual das formas estão corretas, não é verdade? Pois bem, as duas estão de acordo com o padrão formal da linguagem. Logo, empregar esta ou aquela é opção de cada usuário.

————

Bueno, sendo assim, vamos solicitar à oficianta que se dirija à outorganta para rever o recurso da reclamanta.

E dando continuidade aos trabalhos deste júri, solicito à vigilanta desta sessão que traga-nos os interlocutores do próximo caso: a comedianta (a reclamanta), a atriz coadjuvanta (sua filha), o marido infiel (o réu), sua suposta amanta, as respectivas parentas, como testemunhas e a crenta, que diz ter visto o suposto casal em ambiente de lascívia e luxúria.

Cara vigilanta. Havendo necessidade de acompanhanta, peço que dirija o pedido à ajudanta-solicitanta.

Queredo, digo, Credo !    🙂 🙂

Próxima Página »

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.