Vítor Alberto Klein's Blog

20/04/2012

Potências emergentes estão preparadas para dar bilhões ao FMI

Filed under: Atualidades — vitoralbertoklein @ 11:17

Brasil Econômico   – Por Lidia Kelly e Lesley Wroughton/Reuters
20/04/12 10:39

Fonte:  http://www.brasileconomico.ig.com.br/noticias/potencias-emergentes-estao-preparadas-para-dar-bilhoes-ao-fmi_115829.html

As principais potências emergentes estão prontas para comprometer-se nesta sexta-feira (20/4) em dar dinheiro para impulsionar o poder de fogo do Fundo Monetário Internacional (FMI) contra a crise, embora o Brasil busque garantias de aumento de seu poder de voto na instituição.

A Rússia afirmou que o G20 – grupo formado pelas principais economias do mundo – e países emergentes estão prontos para dedicar em uma reunião nesta sexta-feira novos recursos suficientes para atender ao pedido da diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, de pelo menos US$ 400 bilhões, para se encerrar a crise de dívida da zona do euro. A própria Rússia oferecerá US$ 10 bilhões.

“Confie em mim que o G20 anunciará a quantia final. Será uma quantia que vai satisfazer a gerência do Fundo Monetário Internacional”, disse Sergei Storchak, vice-ministro das Finanças russo.

O apoio de Rússia, China e Brasil é crucial para o valor pretendido pelo FMI. Europa e Japão já prometeram US$ 320 bilhões. Um diplomata internacional afirmou que, no total, países emergentes dispuseram pelo menos US$ 100 bilhões.

O FMI vem alertando que a crise da dívida da Zona do Euro apresenta o risco mais grave à expansão da economia global, e mercados financeiros mostram preocupação que Espanha e Itália podem ser os próximos a procurar resgates, na linha do que fizeram Grécia, Irlanda e Portugal.

Mas o Brasil afirmou que, como condição para fornecer fundos, as potências emergentes querem novas garantias de que haverá reconhecimento por escrito no comunicado do G20 do peso que suas crescentes economias têm no âmbito global.

Elas estão frustradas com atrasos -particularmente dos Estados Unidos- na implementação de um acordo para reduzir a influência da Europa no FMI e levantar a China para o posto número 3 de votação.

“O que queremos e exigimos em todas as reuniões é que esse compromisso seja reafirmado”, afirmou o ministro da Fazenda, Guido Mantega, após reunião na quinta-feira de autoridades dos Brics, grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Mantega vai tratar do assunto de maneira mais contundente ainda em um discurso preparado para o sábado em uma comissão do FMI, afirmando que não é mais suficiente a simples repetição de que reformas no sistema de votação são cruciais para a efetividade do FMI.

“O progresso nesta frente tem sido limitado e lento”, afirmará o ministro, segundo o texto.

—-

Por Vítor Alberto Klein

Alguém já parou para colocar na ponta do lápis o que já se injetou de dinheiro na economia européia, seja através do Banco Central Europeu, FMI  e outros órgãos ???

Creio que esteja beirando uns US$ 3 trilhões…..

PS: Minto, é muito mais do que isso.  No link abaixo o montante somando-se todos os países ricos (até aquela data – US$ 8,8 trilhões). Houveram outras injeções de dinheiro posteriormente, principalmente na Europa.

 

https://vitoralbertoklein.wordpress.com/2012/03/05/bcs-dos-ricos-ja-injetaram-us-88-trilhoes/

Parece um buraco sem fundo….

Claro que todos nós desejamos que esta crise seja superada, pelo bem de  toda economia mundial, mas será que algum economista que esteja me lendo possa me explicar o que realmente está ocorrendo ???

Ontem no programa Frente a Frente com a presença do Sr. Paulo Rabello de Castro, da SR Ratings, tive a nítida sensação de que a “bolha” que está se formando é pior e maior do que a de 2008, incluindo agora a participação de um grande player no atual sistema financeiro mundial, que é a China.

Acredito que precisamos pegar os “grandes especuladores internacionais” e enviá-los para umas “férias prolongadas” na Sibéria…., pois cá entre nós, alguém está levando vantagem em tudo isso, ou não ?

Talvez os “especuladores” estejam deixando de ganhar (o que gostariam), mas também estão deixando de perder, pois os governos os estão socorrendo com dinheiro público, e quem paga a conta, para que algumas dezenas de pessoas não percam, são milhões de pessoas.

” Capitalizar para si os lucros e socializar os prejuízos creio tratar-se de uma prática hedionda “.

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: