Vítor Alberto Klein's Blog

12/04/2012

A Nossa Liberdade (Paulo Chagas*)

Filed under: Atualidades — vitoralbertoklein @ 12:00
* Paulo Chagas é General da Reserva do Exército do Brasil.
Fonte:  recebido por e-mail
Liberdade para quê?  Liberdade para quem?  Liberdade para roubar, matar, corromper, mentir, enganar, traficar e viciar?Liberdade para ladrões, assassinos, corruptos e corruptores, para mentirosos, traficantes, viciados e hipócritas?Falam de uma “noite” que durou 21 anos, enquanto fecham os olhos para a baderna, a roubalheira e o desmando que, à luz do dia, já dura 26!

Fala-se muito em liberdade!

Liberdade que se vê de dentro de casa, por detrás das grades de segurança, de dentro de carros blindados e dos vidros fumê!Mas, afinal, o que se vê?Vê-se tiroteios, incompetência, corrupção, quadrilhas e quadrilheiros, guerra de gangues e traficantes, Polícia Pacificadora, Exército nos morros, negociação com bandidos, violência e muita hipocrisia.Olhando mais adiante, enxergamos assaltos, estupros, pedófilos, professores desmoralizados, ameaçados e mortos, vemos “bullying”, conivência e mentiras, vemos crianças que matam, crianças drogadas, crianças famintas, crianças armadas, crianças arrastadas, crianças assassinadas.Da janela dos apartamentos e nas telas das televisões vemos arrastões, bloqueios de ruas e estradas, terras invadidas, favelas atacadas, policiais bandidos e assaltos a mão armada.Vivemos em uma terra sem lei, assistimos a massacres, chacinas e seqüestros. Uma terra em que a família não é valor, onde menores são explorados e violados por pais, parentes, amigos, patrícios e estrangeiros.

Mas, afinal, onde é que nós vivemos?

Vivemos no país da impunidade onde o crime compensa e o criminoso é conhecido, reconhecido, recompensado, indenizado e transformado em herói! Onde bandidos de todos os colarinhos fazem leis para si, organizam “mensalões” e vendem sentenças!

Nesta terra, a propriedade alheia, a qualquer hora e em qualquer lugar, é tomada de seus donos, os bancos são assaltados e os caixas explodidos. É aqui, na terra da “liberdade”, que encontramos a “cracolândia” e a “robauto”, “dominadas” e vigiadas pela polícia!

Vivemos no país da censura velada, do “micoondas”, dos toques de recolher, da lei do silêncio e da convivência pacífica do contraventor e com o homem da lei. País onde bandidos comandam o crime e a vida de dentro das prisões, onde fazendas são invadidas, lavouras destruídas e o gado dizimado!

Mas, afinal, de quem é a liberdade que se vê?

Nossa, que somos prisioneiros do medo e reféns da impunidade ou da bandidagem organizada e institucionalizada que a controla?

Afinal, aqueles da escuridão eram “anos de chumbo” ou anos de paz?

E estes em que vivemos, são anos de liberdade ou de compensação do crime, do desmando e da desordem?

Quanta falsidade, quanta mentira quanta canalhice ainda teremos que suportar, sentir e sofrer, até que a indignação nos traga de volta a vergonha, a auto estima e a própria dignidade?

Quando será que nós, homens e mulheres de bem, traremos de volta a nossa liberdade?

—-
Por Vítor Alberto Klein
Texto válido para reflexão. Podemos discordar no todo ou em parte, ou concordar na íntegra.  A formação de opinião é livre não é mesmo ?
Óbvio que todos nós somos contrários a qualquer tipo de ditadura, inclusive o período “negro” da nossa ditadura militar, instaurada a partir de 1964. Não posso afirmar se ele foi “negro” ou não pois eu tinha apenas 11 anos de idade no auge daqueles tempos (1970), e não presenciei nada de anormal na minha vida, muito pelo contrário, era tudo bastante tranquilo, bastava, até onde eu soubesse, seguir as leis, não ser guerrilheiro e não andar querendo fazer sequestros Brasil afora em nome de uma aclamada “Liberdade” de expressão e de manifestação política.
Mas me pergunto: não vivemos de certo modo numa ditadura nos dias atuais, mas no sentido inverso ?  O crime, a corrupção, o desrespeito à vida e a sem-vergonhice às soltas por este país afora, ditando suas leis ?  Afrontando o Estado ?  Corrompendo políticos, desembargadores, juízes, policiais e etc. etc. etc. ??
Ditadura militar ???  Jamais, nunca mais !!!
Libertinagem ???  Nunca !!!   Quer dizer, não a queremos mais.
Liberdade com responsabilidade, ética, justiça, moral, probidade e Paz ???  Sim, é tudo o que queremos, é tudo do que precisamos !!!

5 Comentários »

  1. General Paulo Chagas, sinto discordar de sua retórica ditatorial, mas eu, que nasci e cresci em meio ao regime militar, prezo a liberdade. Se hoje temos este quadro de violência e corrupção é justamente por causa do regime a que voce fez parte, onde se estabeleceu um país para as oligarquias, para as classes dominantes, com forte concentração de renda para poucos privilegiados, desigualdade que aos poucos está diminuindo. Voce fala em corrupção como se no Regime Militar isto não fosse uma realidade! Claro que havia, só que com a censura em todos os meios de comunicação isto não aparecia, era tudo acobertado. Maluf, ACM, Adhemar de Barros, por acaso eram santos??? O aparecimento de sucessivos escândalos dá a falsa ideia de que isso está ocorrendo só agora! Sempre existiu, general! Mas eu creio que um dia isto irá melhorar, afinal não se conserta um pais da noite para o dia depois de longos 20 anos de um regime de atrocidades, de matança, de perseguições, de violação dos direitos mais elementares dos indivíduos! Não é o regime que está errado, são as políticas governamentais de um país democrático que devem atender os cidadãos de forma a dar-lhes uma vida digna, mais justa e fraterna. Fosse no regime militar, eu não estaria aqui podendo escrever isto! VIVA A DEMOCRACIA!

    Comentário por Mauro Damaceno — 27/04/2012 @ 21:05 | Responder

  2. Olá Mauro,

    Grato por expressar o seu ponto de vista.
    Este blog é extremamente democrático e sempre publico os comentários feitos em relação aos artigos aqui postados. É o mínimo que tenho a obrigação de fazer, concorda ?
    Bem, eu concordo em grande parte com sua colocação, mas continuo mantendo a minha posição nos comentários que eu fiz.

    Mudando um pouco (ou não) de assunto, assista a este video do Olavo de Carvalho, e expresse sua opinião (se for sua vontade), pois, como você, também estou em busca de algumas explicações.

    grato pela sua participação !

    Comentário por vitoralbertoklein — 27/04/2012 @ 21:22 | Responder

  3. É este tipos de regime que o general apóia? Estes países estão muito bem mesmo, general! Bem para seus governantes, que vivem na opulência, a custa da miséria da grande maioria da população: http://www.educacional.com.br/reportagens/eleicoes_mundo/parte-03.asp

    Comentário por Mauro Damaceno — 27/04/2012 @ 21:32 | Responder

  4. O que eu penso de Olavo carvalho? Compartilho da mesma opinião de Constantino! http://www.youtube.com/watch?v=fgasM4boDEY&feature=youtu.be

    Comentário por Mauro Damaceno — 27/04/2012 @ 22:17 | Responder

  5. rsrsrsrssrs

    Excelente o video do Constantino, muito obrigado pela citação dele aqui nos comentários Mauro.
    Não sou Olavete, rsrsrsrs
    Me situo apenas numa posição de analisar a “tese”, a “antítese” para quem sabe algum dia chegar a alguma “síntese”, ou seja, buscar conhecer muitos pontos-de-vista para se chegar a alguma conclusão.

    grande abraço e obrigado mais uma vez !

    Comentário por vitoralbertoklein — 27/04/2012 @ 22:40 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: