Vítor Alberto Klein's Blog

09/02/2011

O NOVO HOMEM

Filed under: Desenv. Humano — vitoralbertoklein @ 10:33

Por Ana Lúcia de Mattos Santa Isabel

Fonte: REAGE

Capra, em seu fantástico livro O Ponto de Mutação, destaca as características da mutação que o mundo  está vivenciando e a fundamenta como um processo cíclico de substtuição de valores. Mudança esta que é muito bem representada pela  dimunuição da importância que assumem as coisas tangíveis, ou seja, ligadas à existência da matéria, e  a crescente preocupação que se tem com os aspectos relacionados com o tempo.

Certamente, muitos outros valores estão sendo atingidos pelo desenvolvimento tecnológico, como por exemplo, os relacionados à  informação, à individuação, criatividade, flexibilidade, autonomia e , sobretudo, intuição.O valor de uma organização não se mede mais , atualmente, em termos de seu patrimônio físico, seja ele constituído de dinheiro, prédios, máquinas ou terras. Uma empresa valerá mais do as outras em termos de comparações não corporais , tais como a capacidade intelectual de seus Recursos Humanos, já que o capital humano é  cada vez mais valorizados numa sociedade de informação.

A valorização do tempo, não mais simplesmente da rapidez, mas de uma quase “instantaneidade” , pressupõe seres humanos cada vez mais capazes de quebrar as regras, de inovar, de deixar fluir todo o potencial de seus cérebros. Não há mais tempo para esperar os resultados de um planejamento a longo prazo , dissociado dos inúmeros problemas do dia-a-dia. Pesquisa, desenvolvimento, produção, fabricação e consumo, tudo é virtualmente feito ao mesmo tempo.

A nova organização passa a assumir a característica de ser um fenômeno intelectual, independente de tempo, espaço  e massa. Quando se entende este novo conceito de oragnização como concepção , passa-se a compreender a importância do uso de Processos de  Coaching e  Mentoring  na motivação , no comprometimento , enfim, na otimização dos talentos humanos da organização.

Desta nova concepção surge também o desafio de compatibilizar a liberdade com a ordem, a criatividade com a eficácia , a intuição com a sabedoria acumulada.

É no desafio de compatibilizar estes conceitos que se encontra a busca da excelência .

Já vivemos a era do homem máquina, filha da paradigma cartesiano-newtoniano que enxergava o homem como um mecanismo, um conjunto de peças e engrenagens , que em nada diferia das máquinas que operava. Este modelo vitoriano e desumano desconsiderava a condição de ser humano do homem -sua capacidade de pensar, sentir e ter idéias.

Já vivemos também a era do homem organizacional, cujo modelo é o homem que não consegue harmonizar sua vida pessoal com a vida profisional. Vive descompassado. Leva serviço e , pior ainda, problemas para casa. Esquece aniversários; não consegue viver plenamente  e é movido pelas realizações profissionais. Geralmente, quando se aposenta , morre ou adoece.

Nesta era de mudança de paradigma, vivemos um novo humanismo; surge um novo modelo de profissional com novas caracteríscas , mais adaptado , não só às necessidades das organizações , mas a uma vida mais inteira, produtiva e feliz. Ele apresenta algumas  características inovadoras:

* consciência crítica altamente desenvolvida;

* sólida noção de valores;

* percepção holística: visão da parte e do todo e aptidão para equilibrá-las;

* capacidade para afastar-se das instituições  e romper raízes quando a qualidade de vida for afetada;

* versatilidade com compromissos e resultados;

* urgência em obter um significado para a própria vida;

* capacidade crítica quanto à aceitação de papéis e funções;

* esforço para influenciar o ambiente, para tirar dele o máximo possível;

* atuação como ser político ativo, como cidadão do mundo;

* encorajamento de comportamentos na busca da liberdade;

* tentativas concretas na busca de desestabilizar sistemas rígidos e autocráticos;

* inconformismo com hierarquias e normas rígidas;

* flexibilidade para mudanças;

* preocupação com a ética;

* despreocupação e pouca valorização do poder.

Se observarmos à nossa volta , vamos identificar este novo homem bem perto, modificando a realidade nas empresas, mostrando que “quem sabe faz a hora , não espera acontecer. “ Este homem novo, incompatível com ambientes autocráticos, pode ser , muitas vezes incompreendido, até marginalizado e considerado um anarquista. Mas conhece seu valor e também valoriza os outros e as instituições das quais faz parte. Reconhece-se como ser único e original que não pode ser manipulado e adestrado. Entretanto, sabe adaptar-se aos sistemas e transformá-los em beneficício do grupo.

Em meu trabalho, o  tenho encontrado com grande frequência. Ele está presente nos pisos das indústrias, nas mesas dos escritórios , na prestação de serviços, no comércio, nas escolas, em todos os níveis de todas as organizações. Sua presença torna oportuno o momento  para implementarmos a prática da Neurolinguística, dos Processos de  Coaching , da Filosofia nas empresas, visando resgatar o homem em sua essência.

Se usarmos instrumentos que permitam ao homem a auto-descoberta de seu potencial criativo, suas habilidades e sua riqueza , podemos transformar nossas vidas nas empresa em vidas mais criativas , mais produtivas e , sobretudo, mais eficazes.

Costumo trabalhar  a idéia de que temos um grande poder: o poder da tranformação.E transformação é ação. Nossas ações podem voltar-se para a melhoria da qualidade de vida. Estou firmemente convencida de que só obteremos Qualidade nas empresas quando estivermos satisfeitos com nossas próprias vidas.

analucia@orioncomunicacao.com.br

analucia.orion@uvaol.com.br

www.orioncomunicacao.com.br

Blog: http://orioncomunicacao.blogspot.com/

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: